Tratamento Mental do Brasil

Tratamento Mental do Brasil
Tratamento Mental do Brasil

Tratamento Mental do Brasil

Nise da Silveira (Maceió, 15/02/1905 — Rio de Janeiro, 30/10/1999) foi uma renomada médica psiquiatra brasileira, aluna de Carl Jung, pioneira da terapia ocupacional no Brasil.

Nise percebeu que as artes plásticas eram o canal de comunicação com os pacientes esquizofrênicos graves, que até então não se comunicavam verbalmente. As obras produzidas por eles davam “voz” aos conflitos internos que viviam.

Era uma defensora da loucura necessária para se viver.

Atitudes Positivas no Tratamento (Terapia Ocupacional – Resumo)

• O convívio afetivo e amigável entre os psicóticos;

• Bichos de estimação, como cachorros e gatos;

• A liberdade;

• Artes plásticas para o cliente (assim chamava Nise aos pacientes) melhor se comunicar.

Nise constatou que o mundo interno do esquizofrênico, considerado inatingível até então, poderia ser acessado, revelando as emoções desses pacientes por meio das artes plásticas. “Nise afirmava que o hospital colaborava com a doença e acreditava que caberia à terapêutica ocupacional parte importante na mudança desse ambiente.”

Este trabalho possibilitou o surgimento de artistas que logo foram reconhecidos no mundo das artes. Com isso seu acervo não cessa de crescer e se atualizar.

A produção desses ateliês foi tão abundante que em 1952 nasceu o Museu de Imagens do Inconsciente.

Tratamento Mental Nise da Silveira

Tratamento Mental

• Jung

Bernardo Horta, autor da biografia Nise — Arqueóloga dos Mares, diz à Cult que Nise “constata o que Jung afirmava: se para o neurótico – o que seria todos nós, segundo Freud – o tratamento é por meio da palavra, ou seja, a psicanálise, para o esquizofrênico, segundo Jung, a palavra não dá conta. Para esse paciente, o tratamento deveria ser pela imagem”.

Em 1957, Nise é convidada por Jung para passar um ano estudando com ele no Instituto Junguiano, na Suíça, além de expor o acervo do Museu de Imagens do Inconsciente no II Congresso Internacional de Psiquiatria. Na volta ao Brasil, em 1958, ela criou o Grupo de Estudos C. G. Jung no Rio de Janeiro, que coordenou até morrer, em 1999.

• Residências terapêuticas para pacientes que não têm onde morar em substituição aos manicômios.

Atitudes Negativas

  • O isolamento;
  • O choque elétrico;
  • O coma insulínico;
  • A camisa de força, o tratamento desumano e a agressividade;
  • O castigo físico;
  • A lobotomia;
  • Os manicômios.

 

Dica de filme: Nise – O coração da Loucura

 

Veja também Das Metodologias


Um comentário sobre “Tratamento Mental do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.